Samuel e o Próprio Deus são Rejeitados

Imagem
  Lisens:  CC BY SA 4.0 Samuel e o Próprio Deus são Rejeitados (Complemento do artigo anterior) Os filhos de Israel sempre foram ingratos, esquecendo-se das obras de Deus, e de todas às vezes que clamavam por socorro e eram atendidos, agora além de desprezarem Samuel, rejeitaram a soberania de Deus. Já vimos que a mãe de Samuel, Ana, sob os cuidados de Eli, sumo sacerdote e juiz de Israel, entregou seu filho a Deus, e o menino cresceu aprendendo a Palavra de Deus. Samuel começou seu ministério como profeta muito jovem e foi o primeiro profeta de Israel (mencionado na Bíblia - Atos 3.24) e o último juiz. Se ainda não leu o início da história de Samuel, então leia neste artigo 👉 A Fidelidade e a Santidade de Samuel . O Início da Monarquia Samuel exortou o povo a abandonar seus ídolos, aproximar-se mais de Deus e preparar seus corações para o Senhor, que Ele libertará Israel das mãos dos filisteus. Samuel também convocou todo o Israel para congregar em Mizpá, ali houve arrependimento, je

Deus é Justo?


Deus é Justo?

Justiça de Deus

Será que as horas de trabalho que você gastou para concluir a sua tarefa podem influenciar o seu salário? Como pode um trabalhador, que trabalhou menos tempo para concluir a mesma tarefa, receber o mesmo salário que você recebeu? No Novo Testamento, a parábola dos trabalhadores na vinha, envolve, aparentemente, certa dúvida a respeito da justiça de Deus. Deus é Justo?


Essa questão foi bem esclarecida por meu amigo José Maria, diácono da igreja que congrego. Inspirado pelo Espírito Santo, ele fez este sermão:


Sermão Baseado em Mateus 20.1-16

“Esse texto bíblico nos traz algo muito importante sobre o Reino dos Céus. Enquanto no mundo terreno o tempo de trabalho dá “status¹", estabilidade e poder; no Reino de Deus isso não conta muito. Pois o que importa não é o tempo de casa, ou seja, de igreja; e sim a primazia² do serviço prestado para Deus.

Muitas vezes pensamos que por ter alguns anos no caminho do Senhor somos melhores que os novos convertidos, todavia não é assim. O Reino dos Céus será alcançado, não por merecimento, mais sim pela Graça. Deus dá a quem ele quer. Assim foi com aqueles trabalhadores.

O dono da vinha os contratou para o trabalho e disse que pagaria um dinheiro a cada um dos seus trabalhadores. O texto nos relata que o dono da casa saiu pelo caminho convocando trabalhadores para sua vinha, ele não definiu o tempo de serviço, mas apenas o valor e garantiu-lhes pagamento igual para todos. Não importa se um trabalhou mais tempo que o outro. Assim como servos de Deus, devemos estar sempre dispostos a trabalhar na vinha do Senhor".




Deus é Generoso

Mulher feliz

Às vezes, não entendemos o agir de Deus e perguntamos: por que o irmão que aceitou Jesus esses dias na igreja, já está pregando? Por que o novo convertido está fazendo e acontecendo na igreja? Simplesmente, pelo fato de ele ter se empenhado mais na obra de Deus e ter buscado mais intimidade com Deus.


No caso da parábola, os trabalhadores que chegaram primeiro na vinha, trabalharam mais tempo que os outros. Porém, receberam o que foi tratado pelo dono da vinha. O salário foi igual para todos. Como foi dito no sermão do diácono José Maria: “O Reino dos Céus será alcançado, não por merecimento, mais sim pela Graça”.


Não devemos negligenciar a nossa salvação, pois precisamos reconhecer que somos dependentes da graça de Deus. Quando nos ocupamos com o Reino dos Céus, não temos tempo para questionar com Deus das dádivas que Ele dá a outros. Ele dá o salário apropriado a quem Ele quiser, porque Ele é justo.


O sentido do sermão é mostrar que não é por muito fazer, nem pela posição de destaque da pessoa. Pode ser o presidente do Brasil ou de qualquer outro país, um médico ou um simples coletor de lixo. A graça de Deus é para todos, sem distinção da cor, seja: branca, preta, parda, indígena ou amarela. Mesmo sem merecermos a Graça, Deus nos dá porque Ele é generoso. 


Trabalhadores na vinha

“E, aproximando-se a noite, diz o senhor da vinha ao seu mordomo: Chama os trabalhadores, e paga-lhes o jornal, começando pelos derradeiros, até aos primeiros. E, chegando os que tinham ido perto da hora undécima, receberam um dinheiro cada um. Vindo, porém, os primeiros, cuidaram que haviam de receber mais; mas do mesmo modo receberam um dinheiro cada um. E, recebendo-o, murmuravam contra o pai de família. Dizendo: Estes derradeiros trabalharam só uma hora, e tu os igualaste conosco, que suportamos a fadiga e a calma do dia”. Mateus 20.8-12


Podemos aprender com essa mensagem também que a fidelidade ao chamado para servir a Cristo, será grandemente recompensado, porque Ele mesmo nos garante que o Pai nos honrará.


"Se alguém me serve, siga-me, e onde eu estiver, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, meu Pai o honrará". João 12.26.





Baseado na Bíblia Sagrada



Por Julio Ferreira Lima com participação do diácono José Maria no sermão baseado no texto bíblico de Mateus 20.1-16.




VOCABULÁRIO

1 sta.tussubstantivo masculino
  1. (estrangeirismo) estado, situação
  2. (estrangeirismo) estátus
 Etimologia:
  Do latim status.

2 pri.ma.zi.a, substantivo
  1. (Religião) dignidade de primaz
  2. prioridade
  3. superioridade
  4. excelência
Etimologia:
       Do latim primas, -ātis; de primus (primeiro).



Fonte: WIKCIONÁRIO




Referências bíblicas on-line: Almeida Corrigida e Fiel (ACF)

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Jesus Dava Exemplos de Gratidão?

Jacó Foi Trapaceiro?

José, de Escravo a Governador do Egito

A Consolação de Israel