Terá, Pai de Abraão

Imagem
  Foto modificada. Fonte da foto original: imb Terá, Pai de Abraão Terá, pai de Abraão. A Bíblia nos dá poucas informações sobre Terá. Ele chegou em Ur atraído pela prosperidade do lugar, mas além da riqueza, Terá adquiriu os costumes pagãos da região. Era descendente da linhagem de Sem, um dos filhos de Noé. Seus filhos Abraão, Naor e Harã nasceram em Ur.  "E viveu Terá setenta anos, e gerou a Abrão, a Naor, e a Harã.” (Gn 11.26). O filho, Abraão, se casou com a sua meia irmã Sara, o que significa que Terá teve uma filha com outra mulher, essa informação pode ser conferida em Gênesis 20.12. Naor se casou com a sobrinha Milca, filha de Harã, este morreu em Ur. Terá e seus parentes saíram de Ur para ir a Canaã e ao chegarem em Harã habitaram ali. "E tomou Terá a Abrão seu filho, e a Ló, filho de Harã, filho de seu filho, e a Sarai sua nora, mulher de seu filho Abrão, e saiu com eles de Ur dos caldeus, para ir à terra de Canaã; e vieram até Harã, e habitaram ali."  (Gêne

Amigo de Deus - Parte Final

Lua

Amigo de Deus - Parte Final

Ser amigo de Deus é ter a certeza de que Ele sempre estará pronto para nos ouvir e nos orientar através da sua Palavra. O Salmo 33.4 diz que a Palavra do Senhor é verdadeira e que Ele é fiel em tudo o que faz.




Na primeira parte vimos que a fidelidade associada à fé é o grande segredo da verdadeira amizade, e que a bondade, a justiça e a fidelidade de Abrão associada a fé em Deus foi o motivo que levou Deus a chamá-lo de amigo.


“e se cumpriu a Escritura, a qual diz: Ora, Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado para justiça; e: Foi chamado amigo de Deus" (Tiago 2.23 JFA RA).



Recordando algumas passagens relatadas anteriormente, segundo a Palavra de Deus, Abrão foi conduzido por Deus a Terra Prometida com a promessa de recebê-la como herança para os seus descendentes. Abrão passou por muitas provações, inclusive um período de fome na terra que o levou a descer para o Egito. Ele recebeu de Faraó muitos bens, incluindo servos, porque o rei queria tomar Sarai como esposa, pensando ser ela irmã de Abrão.


Ensino Religioso

Deus puniu o rei do Egito com grande praga, Faraó, ao tomar conhecimento de que Sarai era esposa de Abrão, mandou-o sair do Egito imediatamente e levar todos os pertences e todo o povo que estava com ele, inclusive Sarai.



Apesar de ter sido expulso do Egito, Abrão saiu mais rico e com mais servos. As provações não pararam por aí não, pois Ló, seu sobrinho, tinha muitos bens e os pastores dele começaram a brigar com os pastores de Abrão. Isso resultou na separação deles.



Houve um acordo entre eles, cada um ia para um lado, então Abrão deu a opção a Ló de escolher para que lado ele queria ir. Ló, por conta de sua escolha ambiciosa, escolheu toda a campina verdejante do Jordão e habitou nas cidades da campina e armou as tendas até Sodoma. 



Houve uma guerra de quatro reis contra cinco reis, o rei de Sodoma e os seus aliados perderam a guerra, logo a cidade de Sodoma foi saqueada e os habitantes foram levados para serem escravizados, inclusive Ló com todos os seus bens e servos. Um dos homens conseguiu escapar e avisou a Abrão sobre o ocorrido.



Ao tomar conhecimento da prisão do sobrinho, Abrão reuniu 318 homens dos mais capazes e libertou todos os prisioneiros, além de Ló com todos os seus bens e todos os servos. O Deus Altíssimo entregou os inimigos de Abrão em suas mãos (Cf Gn.14.19-20). Leia a primeira parte deste artigo clicando aqui 👉 Amigo de Deus Parte 1.






A Promessa de um Filho


Há momentos na vida que fraquejamos e com Abrão não foi diferente. Ele nunca deixou de confiar em Deus, mas precisava de uma confirmação, afinal, já estava com a idade avançada e Sarai, além de ser estéril, também não estava mais na idade de dar um herdeiro a Abrão. Mas Deus deu-lhe uma palavra de conforto para que não temesse, e afirmou que é o escudo e o galardão grandíssimo de Abrão. 




Visualize o seu maior desejo


Visualizar aquilo que almejamos crendo que já possuímos é um exercício de fé. Em Gênesis 15.5, Deus levou Abrão para fora e disse: "—Olhe para o céu e conte as estrelas se puder. Pois bem! Será esse o número dos seus descendentes". Isso o deixou tão confiante que a Bíblia declara: "Abrão creu em Deus, o SENHOR, e por isso o SENHOR o aceitou".






Uma Ajuda desnecessária


O tempo passa e Sarai fraqueja na fé, no seu desespero de dar um filho a Abrão, ela o convence a tomar sua serva egípcia, Agar como esposa. Esse costume, na época, era comum, mas não foi aprovado por Deus, na verdade, tentaram cumprir o propósito de Deus, ou seja, deram uma ajudinha a Deus.


Curso de Teologia

Na gravidez de Agar, Sarai é desprezada por sua serva. Então Agar teve que fugir da fúria de Sarai para o deserto. O anjo do Senhor apareceu a Agar e mandou-a voltar e humilhar-se a Sarai, e revelou-lhe que terá uma descendência muito numerosa, e o filho dela se chamará Ismael. Abrão tinha oitenta e seis anos quando o filho nasceu e o chamou Ismael.






A Garantia do Cumprimento da Promessa


o Senhor apareceu a Abrão. Desta vez Deus veio em forma humana, a essa aparição de Deus dá-se o nome de teofania. Agora Ele se apresenta a Abrão como "El Shaddai" Deus Todo Poderoso. A Palavra do Senhor a Abrão foi bem clara: "... anda em minha presença e sê perfeito". A palavra 'perfeito' na visão da fé é o mesmo que completo, isso porque, essa palavra vem do latim "perfectus" e significa completo ou terminado.



Quando Jesus diz em Mateus 22.39 para amar o próximo como a ti mesmo, e não amamos o próximo ou vice versa, então este amor está quebrado, incompleto. Deus deseja que andemos na sua presença em retidão e que a vontade Dele prevaleça na nossa vida.



Já aos noventa e nove anos, Abrão prostrou-se no chão diante do Senhor em adoração e Deus falou com ele. A promessa foi reafirmada incluindo compromissos e mudanças. Deus mudou o nome de Abrão para Abraão e o nome de Sarai passou a ser Sara, também confirmou a Sara que, será mãe das nações. (Gn cap 17 vs 4-8,15,16). 



No capítulo 18 de Gênesis, o Senhor e dois anjos apareceram a Abraão nos carvalhais de Manre e um deles afirmou que Sara dará à luz um filho no período de um ano. Ao ouvir isso, Sara sorriu, uma certa incredulidade momentânea tomou conta dela. Como pode, ela era velha e Abraão também estava com a idade avançada, contudo no versículo 14 diz: “Acaso, para o Senhor há coisa demasiadamente difícil?” (JFA RA)







O Filho da Promessa


Rosto de criança


A história de Abraão foi marcada com muitas lutas, mas também com muitas vitórias e uma fé inabalável. Ele realmente teve muita garra e determinação. O resultado não poderia ser outro, no tempo determinado por Deus, Isaque, o filho da Promessa nasceu. É assim que Deus faz quando decidimos andar na presença dEle com retidão, dando total liberdade para Ele agir na nossa vida.


“O SENHOR Deus é a nossa luz e o nosso escudo. Ele ama e honra os que fazem o que é certo e lhes dá tudo o que é bom” (Salmos 84.11).







Após A Morte de Sara


Sara morreu com 127 anos em Quiriate-Arba, que é Hebrom, na terra de Canaã. Ref Gn 23.1-2


Abraão casa com Quetura e tem filhos com ela. Os filhos de Abraão com Quetura são: Zinrã, Jocsã, Medã, Midiã, Isbaque e Suã. Ref Gn 25.1-2


Isaque foi o herdeiro principal de Abraão, os demais filhos receberam o suficiente para sobreviver.


Abraão morreu em boa velhice e farto de dias. Os filhos Isaque e Ismael o sepultaram na cova de Macpela, no campo de Efron, filho de Zoar, heteu, que estava em frente de Manre. Ref Gn 25.8-9




Baseado na Bíblia Sagrada



Por Julio Ferreira Lima





Referências dos textos Bíblicos:


ACF Almeida Corrigida Fiel - Bíblia Online




Referência Bibliográfica

BÍBLIA, Português. Bíblia de Estudo de Genebra. 2ª edição. Tradução de J. F. de Almeida. Edição revista e atualizada. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil (SBB); São Paulo, SP: Editora Cultura Cristã, 1999. 1728 p

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Samaritanos e Judeus Adoradores em Conflitos

José, de Escravo a Governador do Egito

Liberdade com Deus

O Fim do Reino de Judá