Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Tamar

Tamar, Uma Cananéia Justa

Imagem
  Ilustração de Stefan Keller (foi modificada) Fonte da foto original:  KELLEPICS Tamar, Uma Cananéia Justa Tamar foi considerada justa por sua coragem, fé e determinação. A Bíblia é repleta de histórias que cativam a nossa fé. Jacó ou Israel foi o terceiro patriarca da Bíblia, todos os seus doze filhos deram origem ao povo de Israel. Um dos filhos de Jacó, Judá, teve uma participação importante, pois da sua descendência, Jacó profetizou que viria o Messias. Contudo ela estava correndo riscos, pois os filhos de Judá não engravidaram a sua nora, uma cananéia. O primogênito morreu porque era mau aos olhos do Senhor, o segundo morreu, porque não queria engravidar a mulher do seu irmão falecido, pois derramava o sêmen no chão, e o terceiro filho, o pai temeu que ele também morresse e não quis dá-lo a nora. A história dessa descendência se encontra neste artigo: "Uma Descendência Ameaçada” , nele eu falo de Judá o quarto filho de Lia com Jacó, Agora pretendo relatar com mais detalhes a

Tamar, Uma Cananéia Justa

Imagem
  Ilustração de Stefan Keller (foi modificada) Fonte da foto original:  KELLEPICS Tamar, Uma Cananéia Justa Tamar foi considerada justa por sua coragem, fé e determinação. A Bíblia é repleta de histórias que cativam a nossa fé. Jacó ou Israel foi o terceiro patriarca da Bíblia, todos os seus doze filhos deram origem ao povo de Israel. Um dos filhos de Jacó, Judá, teve uma participação importante, pois da sua descendência, Jacó profetizou que viria o Messias. Contudo ela estava correndo riscos, pois os filhos de Judá não engravidaram a sua nora, uma cananéia. O primogênito morreu porque era mau aos olhos do Senhor, o segundo morreu, porque não queria engravidar a mulher do seu irmão falecido, pois derramava o sêmen no chão, e o terceiro filho, o pai temeu que ele também morresse e não quis dá-lo a nora. A história dessa descendência se encontra neste artigo: "Uma Descendência Ameaçada” , nele eu falo de Judá o quarto filho de Lia com Jacó, Agora pretendo relatar com mais detalhes a

A Consolação de Israel

Imagem
Adoration of the shepherds, by Gerard van Honthorst  Fonte:  Google Arts & Culture A Consolação de Israel Dois profetas do N.T. aguardavam a promessa de Deus, que traria a consolação de Israel, o Messias esperado por muitos e predito pelos profetas messiânicos. Essa consolação era a esperança que queimava no coração de Simeão e Ana. Para falar desses dois profetas, se faz necessário descrever o nascimento sobrenatural de Jesus. Houve um recenseamento na Judéia e José com sua esposa partiram da Galileia (conhecida como Galileia dos Gentios, por haver uma grande população gentia desde os tempos dos profetas) à Belém, cidade de Davi. Todos tinham que se alistar nas cidades de suas origens, porque era mais prático alistar famílias. Maria estava grávida e havia chegado a hora de dar à luz. Segundo o texto de Lucas, ela envolveu o filho primogênito em panos e, por não haver lugar para eles na estalagem, ela o deitou numa manjedoura. Há uma tradição que diz que eles estavam numa caverna n

Uma Descendência Ameaçada

Imagem
Uma Descendência Ameaçada Uma descendência ameaçada, devido a decisões fora da vontade divina. Judá seguiu o seu próprio caminho pensando ser suficiente os seus planos, os seus ideais e a sua vontade. Precisou Deus interferir nessa trama para que os planos dEle se cumprissem. “Pois eu bem sei os planos que estou projetando para vós, diz o Senhor; planos de paz, e não de mal, para vos dar um futuro e uma esperança.” (Jeremias 29.11). Há relatos na Bíblia de várias histórias surpreendentes, como a história de José que odiado por seus irmãos, foi ameaçado de morte, jogado no poço e vendido como escravo. Levado para o Egito pelos mercadores e vendido ao capitão da guarda de Faraó, Potifar gostou de José e o deixou responsável pela casa. Quando tudo parecia que estava tranquilo, foi acusado de violentar a mulher do seu senhor e o prenderam injustamente. Bem! Essa história está relatada com detalhes neste artigo: José, de Escravo a Governador do Egito . Também encontra-se no livro de Gênes