Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Roboão

A Trapaça de Jacó e Suas Consequências

Imagem
Atribuição: a Providence Litography Company, Domínio, via Wikimedia Commons A Trapaça de Jacó e Suas Consequências Jacó fugiu após trapacear o irmão, enganou o pai para receber a bênção da primogenitura no lugar de Esaú e sofreu as consequências.  Os pais, Isaque e Rebeca, mandaram o filho fugir da fúria de Esaú e disseram a Jacó para ir até à casa do irmão de Rebeca, Labão em Padã-Arã, e casar-se com uma das filhas do tio. Ele seguiu as orientações dos pais, ao chegar na casa do tio, gostou de Raquel, enganado pelo tio ao trabalhar por sete anos sem receber salário, em troca, casaria com a sua amada Raquel.  Bem, esse era o trato. Contudo, a esperteza do tio passou do limite, ele enganou Jacó, fez Lia, a filha mais velha, se passar por Raquel no dia do casamento. Neste blog há um artigo que conta a história de Jacó, todavia o que procurei enfatizar neste artigo é o fato de ele ter enganado o pai para receber uma benção que Deus já havia prometido, quando ele estava no ventre da mãe. E

O Retorno a Sião

Imagem
O Retorno a Sião   Antes de relatarmos o retorno dos judeus a Sião, Jerusalém, vamos a uma pequena retrospectiva; o sistema de governo de Israel era Teocrático¹ , os profetas, sacerdotes e juízes transmitiam a vontade de Deus a seu povo. Todavia o povo queria um rei, até deu motivos aprazíveis que justificava o seu pedido, na verdade, queria ser igual às nações vizinhas, desprezando Samuel² e o próprio Deus ( C f 1 Samuel 8.6-7). O Senhor deu um rei, o mais forte e belo da parada, homem pra ninguém botar defeito, contudo impôs uma condição: o rei teria que governar obedecendo aos comandos de Deus . Saul, escolhido pela vontade permissiva de Deus³,   foi ungido por Samuel e, por 2 anos, foi um rei exemplar. A desobediência de Saul após esses dois anos fez com que Deus se arrependesse de o haver constituído rei de Israel.  “… E o Senhor se arrependeu de haver posto a Saul rei sobre Israel ” (1 Samuel 15.35). Deus manda Samuel ungir Davi, um jovem que cuidava das ovelhas do pai, enfre

A Fidelidade a Deus x às Tentações

Imagem
A Fidelidade a Deus x às Tentações Muitas vezes nós falamos que Deus está nos provando, mas será que Ele precisa saber se somos fiéis ou não? A verdade é que Deus não precisa provar a fidelidade de ninguém, porque Ele sabe a hora que você vai cair e quando você vai se levantar. Sou eu que tenho que mostrar a Deus que Ele pode contar com a minha fidelidade. É você que precisa mostrar a sua fidelidade a Ele. As tentações surgem a cada instante. Quem nunca foi tentado? Se alguém disser que não foi tentado está mentindo. O problema não é a tentação, mas como eu vou lidar com ela. Será que eu vou me render às tentações? Se olharmos o caso de Salomão podemos observar que ele, no início do seu reinado, provou fidelidade a Deus. O sucesso de Salomão não era porque ele foi o homem mais sábio do mundo. Foi a sua fidelidade a Deus que o fez crescer em riquezas e glórias.  A fidelidade precisa ser mantida na minha vida, pois é ela que vai garantir o meu relacionamento com Deus. Quando o homem con

O Conflito Entre Samaritanos e Judeus

Imagem
O Conflito Entre Samaritanos e Judeus  Samaritanos e judeus, adoradores em conflitos. Há na Bíblia, muitas referencias sobre Samaria e os seus habitantes tanto no A.T. como no N.T. É importante ressaltar que a Bíblia é, sobretudo, um conjunto de livros de cunho espiritual. Além disso, é histórico e considerado também um manual repleto de instruções para quem deseja ter uma vida cheia da graça e do conhecimento de Deus. Portanto conhecer um pouco da história bíblica vai nos levar a um melhor entendimento da Palavra. Em uma das passagens do N.T. certo doutor da lei, ou seja, um religioso e interprete da lei, questiona Jesus que por sua vez o responde com uma pergunta: “Que está escrito na lei? Como lês?” Após ele ter respondido a pergunta de Jesus com êxito, justifica-se na tentativa de provocar a Jesus com outra questão: “Quem é o meu próximo?” Jesus responde contando a parábola do bom samaritano. O samaritano não era apenas um estrangeiro, porque os judeus consideravam os samarit