Terá, Pai de Abraão

Imagem
  Foto modificada. Fonte da foto original: imb Terá, Pai de Abraão Terá, pai de Abraão. A Bíblia nos dá poucas informações sobre Terá. Ele chegou em Ur atraído pela prosperidade do lugar, mas além da riqueza, Terá adquiriu os costumes pagãos da região. Era descendente da linhagem de Sem, um dos filhos de Noé. Seus filhos Abraão, Naor e Harã nasceram em Ur.  "E viveu Terá setenta anos, e gerou a Abrão, a Naor, e a Harã.” (Gn 11.26). O filho, Abraão, se casou com a sua meia irmã Sara, o que significa que Terá teve uma filha com outra mulher, essa informação pode ser conferida em Gênesis 20.12. Naor se casou com a sobrinha Milca, filha de Harã, este morreu em Ur. Terá e seus parentes saíram de Ur para ir a Canaã e ao chegarem em Harã habitaram ali. "E tomou Terá a Abrão seu filho, e a Ló, filho de Harã, filho de seu filho, e a Sarai sua nora, mulher de seu filho Abrão, e saiu com eles de Ur dos caldeus, para ir à terra de Canaã; e vieram até Harã, e habitaram ali."  (Gêne

Algumas cidades por onde Jesus passou

Mulher carregando uma moringa e as  outras pegando água
Título: Norte de Jerusalém. Caná da Galiléia, a primavera. João 2: 1
Autor: Colecção Matson

Algumas Cidades por Onde Jesus Passou

O Senhor Jesus impactava multidões em todos os lugares que visitava, neste artigo quero destacar algumas cidades por onde Jesus passou e que foram marcadas por seus ensinamentos, milagres e maravilhas.



O Ministério de Jesus na terra foi marcado por milagres grandiosos. Ele atraía muitas pessoas nas suas pregações e era admirado por muitos. A multidão o seguia porque sabia que Ele fazia milagres e maravilhas, como a multiplicação dos pães e peixes, as curas de cegos e paralíticos, entre outros.


Os religiosos da época se sentiam ameaçados com as pregações do Mestre. No Evangelho de Mateus Ele faz um convite para as pessoas deixarem a religiosidade de lado e se aproximarem mais de Deus.

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.” (Mateus 11.28-30).

Jesus não convida os fortes, mas os cansados e oprimidos e ressalta que o jugo dEle é suave e o fardo é leve. Para os doutores da lei isso era como uma ameaça, porque Ele estava mexendo com o sistema religioso da época, imposto pelas tradições orais dos escribas e fariseus que iam além das exigências dadas pelas leis de Deus.



Nas Cidades que Jesus Passava Milagres Aconteciam

Vestígios-do-antigo-Arco-do-Triunfo-em-Tiro
Os fantásticos vestígios do antigo Arco do Triunfo em Tiro, no Líbano. Autor: David Bjorgen
Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Image:Tyre_Triumphal_Arch.jpg

Tiro e Sidom

Jesus estava indo para os lados de Tiro e Sidom¹ quando: “… uma mulher cananéia, que saíra daquelas cercanias, clamou, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem misericórdia de mim, que minha filha está miseravelmente endemoninhada." (Mt 15.21-22). 

Jesus respondeu àquela mulher: “Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel.” (Mt. 15.24).

Ele foi duro com ela, no entanto, ela demonstrou tamanha fé em Jesus que Ele teve misericórdia dela e concedeu-lhe a bênção. “Então respondeu Jesus, e disse-lhe: Ó mulher, grande é a tua fé! Seja isso feito para contigo como tu desejas. E desde aquela hora a sua filha ficou sã.” (Mt 15.28).


As Bodas em Caná

Jesus fez o primeiro milagre

Em Caná da Galileia aconteceu um evento histórico que está registrado no Evangelho de João intitulado “As bodas em Caná”. Ele e os seus discípulos foram convidados para irem a um casamento, como está escrito:

“Dois dias depois, houve um casamento no povoado de Caná, na região da Galiléia, e a mãe de Jesus estava ali. Jesus e os seus discípulos também tinham sido convidados para o casamento.” (João 2.1,2).

Nesse casamento Jesus fez o primeiro milagre que foi o de transformar água em vinho (Cf João 2.3-11), também foi em Caná da Galileia que Ele curou o filho do oficial romano, que estava doente em Cafarnaum (João 4.46-50).



A Multiplicação dos Pães e Peixes

A primeira multiplicação. Jesus estava na cidade de Betsaida ensinando, socorrendo os que tinham necessidades e pregando as Boas Novas. Quando começou a entardecer os discípulos ficaram muito preocupados e foram até o mestre dizendo que deveriam despedir a multidão para que as pessoas encontrem hospedagem e se alimentem.

COMPRE AQUI 👇
Milagres-de-Jesus

Jesus mandou que eles dessem de comer à multidão, Ele estava testando a fé dos seus discípulos, ainda que parecesse impossível para eles alimentarem cerca de cinco mil homens, sem contar as mulheres e crianças, com dois peixes e cinco pães.


Os discípulos seguiram as ordens do Mestre, fazendo grupos de cinquenta, Ele pegou os cinco pães e os dois peixes, ergueu os olhos para o céu, os abençoou, partiu e deu aos discípulos para que os distribuíssem entre o povo.


Ele alimentou toda a multidão e ainda sobraram 12 cestos cheios. Registrados nos livros: (MT 14.13-21) – (MC 6.35-44) – (LC 9.12-17) – (Jo 6.5-14). Mais uma vez Ele tem compaixão da multidão e alimenta quase quatro mil com sete pães e uns poucos peixinhos (Cf A segunda multiplicação: Marcos 8:1-9 e Mateus 15:32-39).




 Filhos de Deus

O texto do Evangelho de João nos revela que os seus o rejeitaram, contudo a todos quantos o receberam, Ele deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus. Veja: “Aquele que é a Palavra veio para o seu próprio país, mas o seu povo não o recebeu. Porém alguns creram nele e o receberam, e a estes ele deu o direito de se tornarem filhos de Deus.” (João 1.11-12).




A Pregação de Jesus era Dura

Ele era questionado em suas pregações e havia muita murmuração. Muitos dos seus seguidores não aceitaram a mensagem da salvação pela graça. Foram poucos os que entenderam o real objetivo de Jesus. Apenas os doze discípulos permaneceram fiéis.

“Por causa disso muitos seguidores de Jesus o abandonaram e não o acompanhavam mais. Então ele perguntou aos doze discípulos: —Será que vocês também querem ir embora? Simão Pedro respondeu: —Quem é que nós vamos seguir? O senhor tem as palavras que dão vida eterna!” (João 6.66-68).

Leia também: Por que Jesus Ensinou a seus Discípulos a Orar? e Jesus Dava Exemplos de Gratidão?



Conclusão

Muitos dos seguidores não valorizaram a salvação, porque para obter a vida eterna teriam que se comprometer com Jesus. Deixaram o ódio, a prepotência e o orgulho invadir o coração deles; os que foram fiéis ao mestre permitiram que o Espírito Santo trabalhasse em seus corações dando lugar a caridade, a longanimidade, a paciência, a temperança e se encheram da paz de Cristo.


“Se uma pessoa afirmar publicamente que pertence a mim, eu também, no Dia do Juízo, afirmarei diante do meu Pai, que está no céu, que ela pertence a mim. Mas, se uma pessoa disser publicamente que não pertence a mim, eu também, no Dia do Juízo, direi diante do meu Pai, que está no céu, que ela não pertence a mim.” (Mateus 10.32-33).



Baseado na Bíblia Sagrada



Por Julio Ferreira Lima

Última atualização em 24/08/2021



Informações

1 - Sídon ou Sidom - Na Bíblia

 É o nome do neto de Noé, fundada pelo filho primogênito de Canaã (Gênesis 10:15-19).

✔ Foi a primeira casa dos fenícios na costa de Canaã e, por meio de extensas relações comerciais, tornou-se uma "grande" cidade. (Josué 11:8; Josué 19:28).

✔ É a cidade natal de Tiro. Ainda está no território da tribo Assur, mas nunca foi conquistada (Juízes 1:31 :).

✔ Os Sidónios dominaram Israel (Juízes 10:12).

 Salomão celebrou um contrato de casamento com os sidônios, então sua forma de idolatria tem lugar na terra de Israel. (I Reis 11:1-33).

 Foi famosa por seu artesanato, artes e comércio. (I Reis 5:6; I Crônicas 22:4; Ezequiel 27:8).

 É bem referida pelos profetas (Isaías 23:2-12; Jeremias 25:22; Jeremias 27:3; Jeremias 47:4; Ezequiel 27:8; Ezequiel 28:21-22; Ezequiel 32:30; Joel 3:4).

 Jesus visitou a costa de Tiro e Sídon (Mateus 15:21; Marcos 7:24; Lucas 4:26) e muitos se aproximaram para ouvi-lo pregar (Marcos 3:8; Lucas 6:17).

Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre

 





Referências dos textos Bíblicos:


ACF Almeida Corrigida Fiel - Bíblia Online




Referência Bibliográfica


BÍBLIA, Português. Bíblia de Estudo de Genebra. 2ª edição. Tradução de J. F. de Almeida. Edição revista e atualizada. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil (SBB); São Paulo, SP: Editora Cultura Cristã, 1999. 1728 p







Assista ao vídeo e veja algumas passagens da caminhada do ministério de Jesus nas cidades por onde Ele passou.

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Samaritanos e Judeus Adoradores em Conflitos

José, de Escravo a Governador do Egito

Liberdade com Deus

O Fim do Reino de Judá