A Morte de Saul, Davi é Rei Sobre Israel

Imagem
Atribuição: Gerard van Honthorst, Public domain, via Wikimedia Commons A Morte de Saul, Davi é Rei Sobre Israel Davi Parte 4 Passaram-se três dias da derrota dos amalequitas, Davi estava em Ziclague, veio do arraial de Saul a Davi, um homem que se lançou no chão, e se inclinou diante de Davi. Ele disse que escapou do arraial de Israel e contou-lhe que o rei Saul o pediu para matá-lo. Ele o matou e levou a coroa e o bracelete de Saul a Davi, crendo ter feito um bem a Davi, disse ainda que Jônatas também morreu na peleja contra os filisteus. Davi chamou um dos seus moços para ferir aquele homem por ele não temer estender a mão para matar o ungido do Senhor ( cf  2 Samuel 1.14-15). Pois Davi lhe dissera: O teu sangue seja sobre a tua cabeça, porque a tua própria boca testificou contra ti, dizendo: Eu matei o ungido do Senhor (2 Samuel 1.16). Ele e seus homens rasgaram as suas vestes e prantearam a morte de Saul e Jônatas. Ele não permitiu que publicasse em Gate para que as filhas dos fil

Uma Nova Onda de Apostasia em Israel

Paisagem-fogo
Montagem e edição de imagem de Julio F. Lima

Uma Nova Onda de Apostasia em Israel


Após um longo período de paz, uma nova onda de apostasia teve início em Israel, durante sete anos o Senhor entregou Israel nas mãos dos midianitas. Mais uma vez Israel se encontra em apuros.


O tempo dos Juízes foi um período em que os Israelitas viviam em paz enquanto estavam seguindo os caminhos do Senhor, porém a apostasia começava a invadir os israelitas.

 

 Eles começaram a fazer o que era mau aos olhos de Deus, logo o Senhor levantava inimigos poderosos para castigar o seu povo. Quando os filhos de Israel já não aguentavam mais, eles começavam a clamar a Deus, então o Senhor levantava um juiz para libertá-los.





 

A História de Gideão


Gideão, também conhecido como Jerubaal (Jz 6.32), da tribo de Manassés e filho de Joás, ¹abiezrita. Gideão habitava na cidade de Ofra. É mencionado na Epístola aos Hebreus 11.32 e o seu nome significa "destruidor", "guerreiro poderoso" ou "lenhador". Ele foi o quinto juiz de Israel.

PREÇO EM CONTA

Das narrativas dos Juízes apresentadas na Bíblia, a de Gideão é a mais ativa e mais longa de todas, há também a participação do Anjo do Senhor. Israel estava sendo dominado pelos midianitas, estes eram descendentes de Midiã, filho de Abraão com Quetura (cf. Gen. 25.1,2; 1Cr 1.32). Com o passar do tempo, se tornaram numerosos e grandes inimigos de Israel.


Os Israelitas tiveram que esconder suas colheitas em covas, cavernas e construíram fortificações, porque os midianitas, os amalequitas e os povos do oriente subiam contra Israel destruindo os produtos da terra, não deixando sustento algum, nem ovelhas, nem bois, nem jumentos. O povo estava empobrecendo tanto que clamaram por misericórdia a Deus.



O Senhor envia um profeta aos israelitas para lembrá-los das suas obrigações para com Ele e dos atos salvíficos dEle, inclusive o que fizera para liberta-los da escravidão do Egito. A lembrança desses atos salvíficos de Deus é um passo importante para manter a aliança em Israel. A apostasia religiosa era a maior responsável pelo esquecimento desses atos salvíficos e da sua lei. (cf. Jz 6.8-10).




O Anjo do Senhor Aparece a Gideão

Gideão malhava trigo no lagar para escondê-lo dos invasores. O lagar não era um lugar apropriado para malhar o trigo, mas por conta das invasões de Midiã era preciso fazer esse esforço. Então o Anjo do Senhor aparece a Gideão e diz: "O Senhor é contigo, homem valoroso". Gideão faz algumas perguntas ao Anjo, os porquês que não são respondidos, pois o profeta enviado a Israel já havia respondido: "que os filhos de Israel não deram ouvidos a voz do Senhor." (Jz 6.10).


O Senhor Convoca Gideão

O Senhor ordena a Gideão: "...Vai nesta tua força, e livrarás a Israel das mãos dos midianitas; porventura não te enviei eu?" (Jz 6.14). Gideão fica temeroso e diz que a família dele é a mais pobre em Manassés e ele é o menor na casa de seu pai. O Senhor diz que será com ele e lhe dará forças para ferir os midianitas como se fossem um só homem.



Gideão aceita o chamado do Senhor, mas pede um sinal para ter a certeza de que é o Senhor que estava falando com ele. Gideão preparou uma cabra e pães ázimos e o Anjo do Senhor os consumiu com fogo🔥 e desapareceu. O fogo foi a confirmação de que o Senhor se agradou da oferta. Gideão edificou ali um altar e chamou-lhe: O SENHOR É PAZ.

O Senhor diz a Gideão para pegar o segundo boi de sete anos do seu pai e derrubar o altar de Baal que é de Joás. Gideão teve que derrubar o altar à noite, pois o povo não ia permitir que ele fizesse isso.


No dia seguinte, descobriram que foi Gideão que destruiu o altar de Baal e quiseram matá-lo. Porém, Joás, seu pai o defendeu e Gideão ficou conhecido por Jerubaal por ter derrubado o altar de Baal.

"Por isso naquele dia lhe chamaram Jerubaal, dizendo: Baal contenda contra ele, pois derrubou o seu altar." (Jz 6.32).

 

Gideão Pede Confirmação ao Senhor

Ele disse ao Senhor que se realmente entregará os midianitas em suas mãos, então que mostre através do velo de lã que ficara no orvalho, se o orvalho estiver só no velo e a terra estiver seca então será a confirmação de que o Senhor os entregará em sua mão.


No dia seguinte, levantou-se pela madrugada e espremeu o velo, e encheu uma taça de água, e a terra estava seca. Gideão pede mais uma confirmação, e diz que será só desta vez, e implora que a ira do Senhor não caia sobre ele. Desta vez o velo de lã ficará no orvalho e a terra estará molhada, e o velo de lã estará seco. Foi justamente o que aconteceu:

“E Deus assim fez naquela noite; pois só o velo ficou seco, e sobre toda a terra havia orvalho.” (Jz 6.40).



Gideão e os Trezentos Homens

Homens-Gideão

Gideão convocou toda a tribo de Manassés e muitos outros se juntaram a ele para lutarem contra os midianitas, porém Deus disse que era homens demais para Ele entregar o inimigo na mão de Gideão, pois os israelitas iriam se gloriar dizendo que venceram por suas próprias mãos e ficariam contra o Senhor.


Assim, mandou Gideão tirar todos os mentirosos, e os tímidos e vinte e dois mil homens foram dispensados. Restaram dez mil homens, contudo ainda era muito para Deus, porque Ele não vê quantidade, mas vê qualidade. Mandou Gideão fazer os homens descerem às águas e ali diria os que seriam selecionados.


Deus disse a Gideão para separar todos os homens que lamberem a água com a língua como faz o cão, e todo aquele que se abaixar de joelhos para beber água será dispensado. Apenas trezentos homens foram aprovados por Deus.


Essa redução exagerada denota o poder de Deus para salvar o seu povo, também foi um grande desafio para Gideão vencer a batalha com apenas trezentos homens. Os trezentos, ao tocarem as trombetas, o Senhor fez os midianitas e seus aliados lançarem a espada um contra o outro. (cf. Jz 7:22).



Gideão vence Zeba e Salmuna, reis dos midianitas, e toma os ornamentos que estavam nos pescoços dos seus camelos. Os homens de Israel queriam que Gideão dominasse sobre eles, e toda a geração de Gideão, porém ele recusou, mas fez uma petição:


“E disse-lhes mais Gideão: Uma petição vos farei: Dá-me, cada um de vós, os pendentes do seu despojo (porque tinham pendentes de ouro, porquanto eram ismaelitas.” (Jz 8.24).


Apesar de Gideão ter sido usado grandemente por Deus e reconhecer o reinado do Senhor recusando reinar sobre Israel. Ele não usou de sabedoria ao pedir ao povo os pendentes de ouro, de cada um, do despojo, mas isso vai ser assunto para outro artigo.

Com a derrota de Midiã, Israel teve paz por quarenta anos. Gideão teve setenta filhos, pois tinha muitas mulheres.



Conclusão

Muitas vezes achamos que as coisas de Deus são loucuras. Como pode um exército com trezentos homens vencer os midianitas e os seus aliados? É simples, basta crer como Gideão creu. No final Ele confunde o inimigo e a nossa vitória é garantida.


  


Baseado na Bíblia Sagrada



Por Julio Ferreira Lima





INFORMAÇÕES


1 - abiezrita era um descendente de Abiezer, filho de Gileade. Abiezer, o segundo dos três filhos de Homolequete, irmão de Gileade e neto de Manassés. Homolequete foi fundador do clã que Gideão fazia parte, era conhecido por seu nome os abiezritas (Josué 17:2, Juízes 6:34). Fonte: Nova Bíblia




ABREVIATURAS


cf. Conferir
Jz Juízes
Gen Gênesis
Cr Crônicas


Referências dos textos Bíblicos:

Almeida Corrigida Fiel - ACF (Bíblia Online)


Referência Bibliográfica

BÍBLIA, Português. Bíblia de Estudo de Genebra. 2ª edição. Tradução de J. F. de Almeida. Edição revista e atualizada. Barueri, SP: Sociedade Bíblica do Brasil (SBB); São Paulo, SP: Editora Cultura Cristã, 1999. 1728 p

Comentários


Postagens mais visitadas deste blog

Jesus Dava Exemplos de Gratidão?

Jacó Foi Trapaceiro?

Terá, Pai de Abraão

Débora, Uma Mulher Destemida